Publicações
Sábado, 01 Setembro 2018

Adolescente alemã volta após 5 anos desaparecida

Menina sumiu em 2013, aos 13 anos, depois de conhecer homem pela internet. Jovem retoma contato com a família através de rede social, sendo encontrada na Itália.Uma alemã de 18 anos que desapareceu há mais de cinco anos voltou para sua família, após ter sido encontrada em Milão, na Itália, confirmou a polícia de Freiburg nesta sexta-feira (31/08).

Sábado, 01 Setembro 2018

Jovem desaparecida havia nove dias é encontrada em Minas Gerais

Desaparecida havia nove dias, quando foi vista pela última vez deixando a casa onde mora, no Condomínio Solar da Serra, a adolescente de 14 anos foi localizada ontempela Polícia Civil do DF. A jovem estava no município de Brasilândia de Minas (MG), a 310km de Brasília.

Sexta, 31 Agosto 2018

MP, Secretaria de Segurança Pública e TJGO assinam parceria para implantação do Programa de Localização e Identificação de Desaparecidos em Goiás

O auditório do Ministério Público de Goiás sediará nesta quinta-feira (30/8), a partir das 9h30, o evento de assinatura do termo de cooperação técnica entre o MP, a Secretaria Estadual de Segurança Pública e o Tribunal de Justiça de Goiás visando à realização de ações conjuntas para implantação, no Estado, do Programa de Localização e Identificação de Desaparecidos, o Plid. Os termos e diretrizes do documento que formaliza essa parceria foram definidos ao longo dos últimos meses em uma série de reuniões articuladas pelo Centro de Apoio Operacional dos Direitos Humanos (CAODH), responsável pela coordenação do projeto no âmbito do MP-GO.

Sexta, 31 Agosto 2018

Nortão: homem encontrado morto embaixo de ponte ainda não foi identificado

O homem encontrado, ontem à tarde, embaixo da ponte do rio Braço Sul, na BR-163, sentido ao estado do Pará, em Guarantã do Norte (232 quilômetros de Sinop), contínua sem identificação. O corpo está em uma funerária e a Polícia Civil aguarda algum familiar para tentar fazer reconhecimento visual ou de algum objeto pessoal.

Sexta, 31 Agosto 2018

O que fazer com as ossadas paulistanas?

“Nós ossos que aqui estamos pelos vossos esperamos”. Com esta inscrição, a estranha Capela dos Ossos em Évora, Portugal, recebe seus visitantes. Ornada por 5 mil ossos humanos, a capela construída no século XVII resolveu o problema da acomodação das ossadas que ocupavam 42 cemitérios monásticos, localizados em espaços que poderiam ter outra finalidade.

Realização:

Apoio:

FECHAR X